Como escolher o nicho certo?

Quando se quer começar a escrever na internet, recomendo que se faça com algo que se esteja à vontade. Ou seja, convém escrevermos com algo a que tenhamos contacto diariamente, ou com algo que sabemos dominar. Isto porque só vamos atraír leitores se escrevermos informação correcta e credível, caso contrário, só temos a perder! E como escolher o nicho certo? É o que vou tentar indicar neste artigo.

Escolher algo com que temos contacto frequentemente

Se estou num curso de Desporto, dúvido que a minha profissão vá ser professor de História. Isto também se aplica na internet. Eu apenas devo escrever sobre algo que sei. Ao começar este blog, escrevi uma lista de tópicos que me sentia à vontade a falar, por isso mesmo comecei a escrever sobre webmastering. Deste modo posso ensinar (e também aprende) acerca deste assunto.
Pensem no vosso dia a dia e escrevam sobre algo que se passe nele. Se são dentistas, um blog de dentistas, se são apostadores, um blog de apostas, se são desportistas um blog de desporto. Tenham cuidado para evitar a saturação de assuntos tratados.

Os nichos que desaconselho

Como disse no tópico superior, temos de evitar a saturação de assuntos tratados. Já existem muitos blogs a falarem do mesmo assunto e vou tentar resumir numa lista os conteúdos a evitar:

  • Tecnologia e Gadgets;
  • Mulheres;
  • Desporto;
  • Ganhar dinheiro (não confundir com webmastering);
  • Geral (onde se fala de tudo) [não pode bem ser considerado um nicho].

Só recomendo que abordem estes nichos se realmente perceberem do que falem e se tiverem algo a mostrar aos vossos visitantes. Caso contrário os vossos leitores poderão aperceber-se que é apenas mais um blog e excluiram da lista de websites a visitar.

Os nichos que aconselho

Esta é uma lista um pouco mais complicada de elaborar, especialmente porque se existem bons a serem explorados, não se deve desperdiçar essa oportunidade. Mas no entanto vou divulgar uma lista de assuntos que gostaria de ver mais abordado na internet, em português:

  • WebDesign;
  • Programação;
  • Novas iniciativas em Portugal.

Se acham que se sentem à vontade com este tipo de nichos, então do que estão à espera? Pode ser a vossa oportunidade de criarem uma audiência e quem sabe, ganhar dinheiro à custa da Internet.

Este post irá continuar no futuro, e vou criar uma nova categoria onde irei colocar uma nova lista de assuntos que gostaria de ver abordados na internet, para os leitores terem a oportunidade de criar um novo projecto, caso tenham falta de ideias.

7 mentiras sobre ganhar dinheiro com a internet

Já se vê na internet centenas de websites serem criados diariamente com o único intuito de ganharem dinheiro. Muitos desses websites são criados por inexperientes que julgam que ao criar o website vão enriquecer em pouco tempo. Mas isso não passa de um mito. Ninguém consegue enriquecer na internet em dois dias, e é isso que vou tentar demonstrar neste post, irei desmistificar algumas mentiras sobre ganhar dinheiro online.

1 – Vou conseguir viver à custa da internet

Isto é uma realidade pouco realista acerca da internet. Poucos são os bloggers que conseguem viver totalmente à custa da internet. Existem, sem dúvida, mas não são muitos. Isto talvez se deva ao facto de muitos pensarem que conseguem enriquecer em pouco tempo, acabando sempre por desistir quando vêm as suas expetactivas caírem por terra.

2 – É só criar um website e já está!

Aqui está outra mentira, ganhar dinheiro na internet não se baseia em criar um website e colocar publicidade. Para um website se tornar minimamente rentável são precisos meses de trabalho. Por vezes, um website não chega, sendo necessários vários investimentos iniciais. Nunca se esqueça que um investimento se pode multiplicar e que sem trabalho nada se consegue.

3 – O google faz tudo por mim

Eu, como webmaster, recorre muito ao google para ganhar dinheiro. Seja no que diz respeito a ganhar dinheiro, o AdSense, ou a ser listado nas pesquisas. Mas infelizmente o google não faz tudo por nós. Temos de ser nós a optimizar a publicidade colocada e até saber se devemos ou não colocar publicidade contextualizada num website. Muitas vezes, um programa de afiliados, funciona muito melhor.

4 – Preciso de ser maior de idade

Muitas pessoas pensam que para se ganhar dinheiro na internet, é necessário ser maior de idade ou ter uma conta bancária. Apesar de nos restringir a alguns nichos (adulto, casino, etc), a idade não apresenta um obstáculo no que toca a ganhar dinheiro. Caso não se possua uma conta bancária existem sempre os cheques e as contas bancárias de amigos/família.

5 – Clico para receber 0,01$! Ao longo do tempo, irei enriquecer!

Esta é a pior mentira e a que mais ilude as pessoas. Programas que nos oferecem dinheiro para visitar páginas são más opções porque fazem parte de um método muitas vezes falso. Mas façamos contas para ajudar a perceber o processo: se um site possuir 10 links para clicarmos a ganhar 0,01$ ao fim de um dia ganhamos 0,1$. Se possuirmos 5 referidos e forem todos activos ganhamos 0,50$. Isto indica que demoramos 200 dias a atingir uma módica quantia de 100$. Este tipo de ganhos podem ser facilmente obtidos em menos de um mês (para websites recentes) e não em 200 dias.

6 – Não preciso de fazer investimentos

Aqui está outra mentira que ilude muitas pessoas. Para ganhar dinheiro na internet é preciso fazer-se um investimento (o mais pequeno que seja) para comprar alojamento, domínios e quem sabe tráfego. Pelo menos os domínios é algo que eu acho obrigatório. Caso queira saber onde os comprar aos preços mais baixo, consulte este post.

7 – Isto é facil

Ganhar dinheiro pode ser fácil. Ou então pode ser difícil. Tudo vai depender do esforço que colocamos num projecto e no empenho para o desenvolvimento do mesmo. Sem trabalho não há frutos, logo, sem trabalho não há dinheiro. Uma maneira de se começar a mentalizar que vai ter de gastar tempo para ganhar dinheiro é começar a dedicar diariamente, 1 ou 2 horas a esta tarefa.

Acabo assim a desmistificação de 6 mentiras acerca de ganhar dinheiro internet. Se foram iludidos por alguma destas mentiras, tentem corrigir o que fizeram ma lendo o que foi escrito aqui.