Entrevista ao cenourinha – Fundador da rede WebTuga

Para inovar um pouco no conteúdo colocado aqui no blog, hoje fiz uma entrevista a um webmaster ainda de tenra idade, o cenourinha, fundador da rede Webtuga. Nesta entrevista fala-nos como começou a ascenção do Webtuga na internet e como se mantém a sua qualidade. Desde já, agradeço imenso ao Teotónio Ricardo (cenourinha) pelos momentos dispendidos.

Olá Ricardo (cenourinha). Antes de iniciar a entrevista, podes falar-nos um pouco de ti?

Olá, eu sou o Teotónio Ricardo, mais conhecido por cenourinha, nasci a 19 de Maio de 1990 em Barcelos ( Braga ).

O Webtuga é já uma referência a nível nacional, visitado por milhares de portugueses diariamente. Como tiveste a ideia de iniciar o Webtuga?

Entrei em contacto com a Internet quando era bastanto novo, com os poucos conhecimentos que tinha criei o WebTuga e felizmente tem tudo corrido perfeitamente. Começamos num simples fórum, criado automaticamente e alojado gratuitamente e hoje em dia temos um servidor dedicado, um Fórum visitado por milhares de pessoas, uma rede de blogs temáticos de referência e transformamos o WebTuga numa empresa real e que prime pela qualidade do seu serviço e suporte.

Quando inauguraste o Webtuga alguma vez achaste que teria a influência e o sucesso que tem nos dias de hoje?

Provavelmente teria pensado que o WebTuga seria um fórum com sucesso, ou pelo menos uma comunidade unida. O que acontece é que o sucesso foi mais além do que aquilo que pensavamos, mas a comunidade já não é assim tão unida devido ao elevado número de membros, no entanto temos um pequeno grupo de membros ( incluindo membros da equipa WebTuga ) que sempre foram fieis ao WebTuga e que o tornaram numa “segunda família”.

Sabendo que conta com cerca de 10 blogs e com uma Service Provider, necessitas de uma boa equipa na qual deposites a tua total confiança. Quantas pessoas fazem agora parte do staff do Webtuga e da sua rede?

A nossa rede não é constituida por um número fixo de bloggers. Na verdade todos os nossos visitantes se podem candidatar a bloggers e temos inclusivé alguns bloggers convidados. Em relação à nossa Service Provider, temos uma equipa de pessoas que são de nossa total confiança e que controlam todo o nosso sistema de gestão de clientes.

A rede Webtuga é um bom impulso e um bom começo para a criação de um blog. O que tem um blogger de fazer para ver a sua ideia contida na rede Webtuga?

O WebTuga está sempre aberto a novas propostas e novas ideias, no entanto só avançamos com um blog ou qualquer tipo de outro mini-projecto caso tenhamos a total certeza de que este vai enriquecer o WebTuga. Muitas das vezes são-nos sugeridos temas para novos blogs, no entanto não existem pessoas com a disponibilidade suficiente para o manter.

No ínicio do Webtuga, qual foi a tua maior fonte de tráfego?

No principio do WebTuga as visitas começaram por chegar por convite de outros membros. O WebTuga tinha uma equipa de moderadores de toda a parte do continente e até ilhas e assim se começou a divulgar este projecto. Na altura poucos conhecimentos tinha acerca de optimização de motores de busca, portanto posso considerar que foi graças aos utilizadores que o WebTuga teve tanto sucesso.

Consideras que as tuas receitas com a rede de blogs superam os teus investimentos em domínios, servidor dedicado, etc? Se sim, qual a tua principal fonte de rendimento?

As receitas do WebTuga tem permitido a evolução constante da rede. Compra-mos um servidor, registamos a marca e criamos a empresa. Posso dizer que o WebTuga se tem auto-sustentado. Temos várias fontes de rendimento, desde artigos patrocinados, venda de Links, venda de banners, Google Adsense e publicidade directa e ainda a venda de serviços na empresa de hosting. Quanto a rendimentos, o WebTuga Hosting tem sido uma fonte de rendimento bastante maior que a publicidade nos ultimos tempos.

Quais as principais fontes de informação da rede? Qual a quantidade de blogs internacionais e nacionais que costumas visitar diariamente na procura de informação?

Utilizo o Greader para me manter actualizado. São várias as fontes de informação, desde press-releases, a blogs ingleses e espanhois. Esta semana fiz uma limpeza ao Greader, tendo descido de 800 feeds subscritas para cerca de 200.

Qual achas que vai ser o próximo grande passo da rede Webtuga?

Não sei… mas posso avançar que o espaço é o nosso limite.

Para finalizar, que conselhos tens a dar aos iniciantes do mundo da internet como webmasters?

A todos os iniciantes a webmasters, sugiro que tentem inovar sempre nos seus sites. A cópia de conteúdos não favorece a ninguém. Sejam originais. Do not use Ctrl+C and Prt Sc (Print Screen).

Mais uma vez, obrigado pelo tempo dispendido, e garanto-te que é a última vez que te roubo tempo do jantar!

Não tens que agradecer. Convido desde já os leitores desta entrevista a visitarem a rede Webtuga e o meu blog pessoal.

Comments 4

  1. Celso Azevedo disse:

    Pois, agora fiquei de boca aberta… e eu a pensar que o cenourinha tinha uns 30 anos e afinal so tem mais 1 que eu…
    Bem, só me resta desejar boa sorte para a tua empresa!

    Cumprimentos

  2. É isso cenourinha, defende o Webtuga com unhas e dentes. Webtuga FOREVER!

  3. Diogo Pinto disse:

    Caro Celso,
    Não é a idade que faz a experiência, mas sim a dedicação e a persistência. Lembro-me quando vi apresentado este projecto num forum que frequentava. Era apenas mais um. Hoje tornou-se num dos principais a nivel nacional.

    Caro Southafrikanse,
    Obrigado pelo comentário!

    Cumprimentos

  4. Diggy disse:

    Sem dúvida um projecto de grande sucesso. Gostei da entrevista.

Comments are closed.